O Instituto Pólis é uma ONG (Organização Não Governamental) de atuação nacional e internacional. Fundado em 1987, o Pólis atua na construção de cidades justas, sustentáveis e democráticas, por meio de pesquisas, assessoria e formação que resultem em mais políticas públicas e no avanço do desenvolvimento local.

EDITAL DE SELEÇÃO PARA EQUIPE TÉCNICA: COMUNICAÇÃO E INCIDÊNCIA POLÍTICA

Direito à Cidade, Reforma Urbana
27 de fevereiro de 2019

EDITAL DE SELEÇÃO PARA EQUIPE TÉCNICA

COMUNICAÇÃO E INCIDÊNCIA POLÍTICA

O Pólis –Instituto de Estudos, Formação e Assessoria em Políticas Sociais, organização da sociedade civil sem fins lucrativos, por meio do presente edital, vem a público divulgar a abertura de processo seletivo para contratação de profissionais para compor sua equipe técnica, para o desenvolvimento de atividades de comunicação e incidência política, nos termos e condições a seguir:

I – DAS VAGAS E REQUISITOS

A seleção destina-se ao preenchimento de 04 (quatro) vagas, com a seguinte distribuição:

  • I) 01 (uma) vaga para Coordenação de Comunicação
  • II) 02 (duas) vagas para equipe de comunicação e incidência política
  • III) 01 (uma) vaga para designer gráfico

 

São perfis desejáveis para cada uma das vagas disponíveis:

  • I) Coordenação de Comunicação: graduação em Comunicação Social,com experiência profissional mínima de 4 anos na área de comunicação e trabalhos anteriores em organizações, coletivos ou redes da sociedade civil.
  • II) Equipe de comunicação e incidência política: habilidades e competências para atividades de comunicação e atuação política, não sendo exigida uma graduação específica e nem mesmo nível superior.
  • III) Designer gráfico: habilidades e competências em produção e edição de arte gráfica, não sendo exigida uma graduação específica e nem mesmo nível superior.

 

1.3 Serão considerados na seleção os seguintes critérios gerais para todas as vagas: experiência prévia; habilidades e competências técnicas; abertura para aprendizagem de novos conteúdos; facilidade de comunicação e relacionamento; capacidade de trabalho em equipe; adaptabilidade; disponibilidade de tempo; envolvimento com coletivos, organizações ou redes da sociedade civil; afinidade temática com as ações desenvolvidas pelo Instituto Pólis, em especial no que tange ao direito à cidade e ao enfrentamento das desigualdades.

1.4 Especificamente para a vaga de Coordenação de Comunicação, será considerada também a experiência de assessoria a organizações, coletivos ou redes da sociedade civil, bem como a capacidade de articulação de múltiplas linguagens, canais e ferramentas de comunicação. Espera-se que essa coordenação seja capaz de liderar a elaboração e implementação de um plano de comunicação institucional e de planos de comunicação de projetos ou campanhas específicas.

1.5 Especificamente para as vagas destinadas à equipe de comunicação e incidência política, o Instituto Pólis deseja constituir um grupo diverso e com habilidades complementares, de modo que busca pessoas com conhecimentos e/ou experiências (não necessariamente cumulativos) em: gestão de redes sociais; assessoria de imprensa; produção e edição de audiovisual; realização de campanhas; mobilização pública; captação de recursos; educomunicação; produção cultural; dentre outras pertinentes à atuação para incidência política.

1.6 Especificamente para a vaga de designer gráfico, serão considerados conhecimentos e/ou experiências (não necessariamente cumulativos) em: elaboração de infográficos; editoração e diagramação de material gráfico; realização de campanhas; facilitação gráfica; desenvolvimento de identidade visual; elaboração de peças para redes sociais e websites.

II – DO ENFRENTAMENTO DAS DESIGUALDADES

2.1 O Instituto Pólis afirma seu compromisso com o combate às discriminações e enfrentamento das desigualdades também na composição de sua equipe. Portanto, ainda que não se trate de um requisito obrigatório da seleção, estimulamos fortemente candidaturas de pessoas negras, mulheres, pessoas LGBTI, indígenas ou quaisquer outras em processos de vulnerabilização social.

2.2 Caso haja engajamento em movimentos ou coletivos que atuam no enfrentamento das desigualdades, recomenda-se fazer constar essa informação na carta de apresentação.

III – DO PROCESSO DE SELEÇÃO

3.1 As pessoas interessadas deverão enviar obrigatoriamente: i)currículo atualizado; ii) portfóliocom trabalhos anteriormente desenvolvidos;eiii) carta de apresentação(até duas páginas) destacando sua experiência e os motivos pelo interesse na vaga pleiteada, bem como indicando duas pessoas de referências para contato (indicar nome, telefone e e-mail).

3.2 Autenticações e reconhecimentos de firmasão desnecessários.

3.3 A documentação deverá ser enviada em formato PDF para o e-mail contato@polis.org.braté as 23h59min dia 14 de março de 2019;

3.4 No título do e-mail deve constar “Seleção Equipe Técnica Pólis” e, no corpo da mensagem, o nome completo, telefone para contato e a vaga para qual está concorrendo. Uma mesma pessoa pode concorrer a mais de uma vaga.

3.5 A primeira etapa da seleção ocorrerá internamente por meio da análise do currículo, do portfólio e da carta de apresentação, sendo eliminatória.

3.6 A segunda etapa da seleção ocorrerá por meio de entrevistas entre os dias 26 e 29 de março de 2019. Para cada vaga serão selecionadas, no máximo, 5 pessoas para serem entrevistadas. Nessa etapa, a comissão de seleção poderá entrar em contato com as pessoas de referência indicadas por cada candidato(a).

3.7 O resultado final será divulgado no dia 01 de abril de 2019, quando os(as) aprovados(as) serão comunicados(as) sobre os trâmites de contratação e o início das atividades, que deverá ser imediata.

IV – DO REGIME DE CONTRATAÇÃO E DA REMUNERAÇÃO

4.1 A contratação ocorrerá por meio de prestação de serviços sem exclusividade de pessoa jurídica ou microempreendedor(a) individual.

4.2 O período da contratação é de abril a dezembro de 2019, podendo ser prorrogada a depender de disponibilidade orçamentária e interesse entre as partes.

4.3 Para fins de planejamento de horas, as atividades e responsabilidades previstas nas contratações equivalem a uma dedicação média de 30hs semanais.

4.4 Pela prestação dos serviços, as remunerações brutas médias mensais são de:

  • I) Coordenação de comunicação: R$ 6.500,00 (seis mil e quinhentos reais)
  • II) Equipe de comunicação e incidência política: R$ 5.000,00 (cinco mil reais)
  • III) Designer gráfico: R$ 5.000,00 (cinco mil reais)

4.5 A retenção e pagamento de tributos decorrentes das remunerações pela prestação dos serviços devem ser recolhidas e pagas por quem de direito.

Dúvidas e esclarecimentos podem ser dirigidos ao e-mail contato@polis.org.br.

São Paulo/SP, 26 de fevereiro de 2019

 

Pólis –Instituto de Estudos, Formação e Assessoria em Políticas Sociais

Anterior / Próximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × quatro =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Outras Notícias em Institucionais