O Instituto Pólis é uma ONG (Organização Não Governamental) de atuação nacional e internacional. Fundado em 1987, o Pólis atua na construção de cidades justas, sustentáveis e democráticas, por meio de pesquisas, assessoria e formação que resultem em mais políticas públicas e no avanço do desenvolvimento local.

PUBLICAÇÃO: Os royalties são nossos

ss
Desenvolvimento Econômico Local, Participação Cidadã
7 de outubro de 2016

Faça o download do boletim que traz informações sobre os royalties de petróleo e gás natural

Desenvolvido pelo projeto Observatório Litoral Sustentável, no âmbito da Mesa de Diálogo Litoral Norte e da Câmara Temática da Baixada Santista, o Boletim Royalties levanta um debate importante para o litoral paulista: os royalties provenientes da exploração de petróleo e do gás natural e a participação da população em processos decisórios acerca de grandes empreendimentos.

Mas o que são royalties? São quantias de dinheiro pagas ao Estado por empresas que exploram áreas nacionais de petróleo e gás natural e que têm uma variação média entre 5% e 10% de toda a produção petrolífera nacional. E porque os royalties existem? Para pagar de volta à sociedade aquilo que se extrai, uma compensação pelo impacto naquilo que a pertence: os recursos naturais nacionais.

O Boletim Royalties traz um conjunto de informações que têm por objetivo divulgar o que são royalties, como funcionam e quais são os modelos de concessões feitas às empresas exploradoras, quem pode utilizar os recursos naturais, quem fiscaliza, como se dá a participação dos royalties no orçamento público, além de trazer dicas para aplicar de forma sustentável e justa o dinheiro proveniente dos royalties. Sendo assim, o objetivo também é ajudar a construir o controle e a participação social nesses processos de exploração e pagamento.

De acordo com o Boletim, são beneficiários do dinheiro proveniente dos royalties “os estados e municípios produtores, os afetados pela produção ou que sediam instalações petrolíferas, e estados e municípios confrontantes, que são aqueles cujas linhas de mar territorial abarcam as áreas marítimas de exploração e produção”.

Clique aqui para fazer o download gratuito da publicação

Anterior / Próximo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>