cultura e cidade

O curso cultura e cidade pretende criar um espaço de diálogo a partir da intersecção entre direito, cidade e cultura. Políticas públicas de acesso à cultura, regulamentação da produção cultural, direito à cidade e arte urbana são alguns dos temas que serão desenvolvidos nas aulas, com perspectivas críticas e práticas anticoloniais e decoloniais.

Serão 5 aulas, às terças-feiras, das 19h às 21h, integralizando 10h de curso, com emissão de certificado mediante participação em no mínimo 75% de nossas atividades.

programação

educadores

 

Bárbara Alves é jornalista, fundadora e coodernadora do Descolonizarte, portal de divulgação de arte decolonial. É pesquisadora de Arte Contemporânea Africana e Afro-americana e assistente de conteúdo na Lew’Lara\TBWA.

 

Bruno Ramos é articulador nacional do Movimento Funk,  estudante de sociologia e ciências políticas na FESPSP, colunista do Mídia Ninja, empreendedor, produtor cultural, e integrante do coletivo Favela no Poder.

 

Gabriel Mantelli é mestre em direito e coordenador do grupo de pesquisa Direito, Desenvolvimento e Descolonização e das atividades de extensão Clínica de Direitos Humanos e Sociambientais e Laboratório Aberto do Sul Global (LabSul) na Universidade São Judas Tadeu. É também coordenador da Rede Brasileira de Saberes Descoloniais.

 

Julia de Moraes Almeida é pesquisadora nas áreas de criminologia, urbanismo e cultura popular, coordenadora da Rede Brasileira de Saberes Descoloniais e do Núcleo Direito, Cidade e Cultura (NDCCult – FDUSP).

 

Olívia Bonan é graduada em Direito pela Universidade de São Paulo (USP) e pós-graduanda em Gestão de Projetos Culturais pela ECA-USP. É advogada do Borges, Sales & Alem Advogados e atua como consultora jurídica do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM).

 

Paula Monroy é arquiteta, professora titular na Faculdade de Arquitetura da Universidad de las Américas e mestranda em Espaço, Projeto e Cultura na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAUUSP).

Martha Lemos é psicóloga, educadora e atriz, especialista em Sociopsicodrama e Arte Integrativa. É consultora em políticas públicas de programas educacionais e socioculturais junto a organizações como o Relacionais, Pólis e Cenpec.

inscrições

As inscrições estarão abertas até dia 20/10 ou até esgotarem as vagas. O curso conta com duas categorias de inscrição:

  • estudante (graduação ou pós): R$75,00 por pessoa
  • profissional: R$150,00 por pessoa

Também oferecemos inscrições solidárias. Você se inscreve por um valor adicional, que é utilizado para custear mais bolsistas neste curso. Nesta modalidade, também há duas categorias:

  • estudante (graduação ou pós): R$90,00 por pessoa
  • profissional: R$175,00 por pessoa

As pessoas que já participaram de três cursos da Escola da Cidadania podem solicitar desconto enviando e-mail para escola@polis.org.br

regras de isenção

Tendo em vista a missão da Escola da Cidadania, oferecemos isenção na inscrição para até 20 participantes de movimentos populares, coletivos e organizações da sociedade civil. Para solicitar isenção, as pessoas interessadas devem preencher este formulário até dia 09/10. A seleção levará em conta critérios de gênero, raça, orientação sexual e situação de moradia. Encorajamos principalmente a participação de pessoas negras, trans e/ou moradores de periferias e favelas.

Os selecionados para isenção serão comunicados por e-mail até o início do curso. 

   

referências

Confira as indicações de leitura e de vídeos para cada unidade do curso nas caixas abaixo.